Negócios de Sucesso

Palma e Prado

Legenda: Casal de empresários Evelin Prado e André Palma/Foto: Rodrigo Czekalski/La Imagen

Foi na Bahia que o casal Evelin Prado e André Palma deu os primeiros passos para realizar o sonho de abrir uma pequena empresa. Os dois trabalhavam em uma grande indústria de produção de meias-calças e lingeries, na capital baiana. Uma experiência que contribuiu na decisão de abrir uma pequena confecção de roupas íntimas masculina.

A vontade de empreender fez com que o casal buscasse apoio no Sebrae, em Salvador. Na entidade, participaram de cursos, traçaram as primeiras linhas de um plano de negócios e realizaram pesquisas de mercado.

Com as informações levantadas, Evelin e André decidiram voltar para o Paraná, onde ambos fizeram faculdade. Ele se formou em Engenharia Têxtil, em Goioerê, e ela se graduou em Estilismo e Moda, em Curitiba.

A Palma & Prado começou sua trajetória em 2009, em Cambé. Pesou na escolha da cidade o fato da região norte do Estado abrigar um polo de indústrias de confecções e também incentivos públicos. Influenciou ainda na decisão a facilidade em encontrar mão de obra especializada em Cambé e renda financeira do público-alvo – homens de 25 a 35 anos.

Evelin Prado conta que, para sua carreira, ser dona do próprio negócio sempre esteve em análise, porém apenas ter vontade não bastava. “Era uma semente. É fundamental você já trazer uma experiência e o conhecimento do segmento que pretende atuar. Mas ser dono de uma de um pequeno negócio é bem mais complexo. Exige de você outros conhecimentos, em áreas como gestão, administração, marketing e finanças. É preciso saber abraçar outros pilares e sempre sentimos a necessidade de buscar capacitação”, conta a empresária.

Foi o que o casal fez. Evelin e André buscaram especializações e participaram de cursos no Sebrae/PR. A empresa começou com uma pequena produção de 2 mil unidades, por mês. Hoje, a produção chega de 10 a 12 mil peças/mês de cuecas, do infantil ao adulto, incluindo tamanhos especiais.

“Quando nós decidimos abrir a empresa, escolhemos o segmento de roupas íntimas masculinas porque era um nicho de mercado. Esse consumidor está mudando, o homem está a cada dia mais exigente e nosso objetivo é ser uma marca referência no mercado”, observa Evelin.

No início desse ano, observando o processo de amadurecimento da Palma & Prado e o volume de vendas da empresa, os empresários sentiram a necessidade de reavaliar o processo produtivo e corrigir alguns pontos importantes na fábrica.

Eles tinham potencial de maquinário e capacidade de pessoal, mas a produção não era satisfatória e não passava de 5 mil peças, por mês.

No Sebrae/PR, conheceram a proposta do Sebraetec – Serviços em Inovação e Tecnologia, uma solução do Sebrae destinada às pequenas empresas que buscam apoio para serviços tecnológicos, em as áreas, como design, metrologia, desenvolvimento de novos produtos, meio e tecnologia industrial básica.

Ao participar da iniciativa, os empresários identificaram que metodologia de trabalho utilizada pela empresa precisava ser revista. A Palma & Prado trabalhava no modelo Ford, em que cada operário faz uma parte do produto. Se não há sincronia, há quebra de rendimento. Realizar um levantamento sobre essa dinâmica produtiva foi fundamental para dar início aos ajustes.

Primeiramente foi realizada a cronometragem de todas as etapas de trabalho. A partir dessa análise de tempo, foi modificada a distribuição de equipamentos dentro do espaço da fábrica, assim como a logística de produção. Ao todo, foram cinco meses de ajustes, o que resultou em um aumento de 50% na produção.

“O Sebraetec foi um divisor de água na nossa empresa, deu um upgrade no nosso negócio, o que é possível dizer que a Palma & Prado tem o antes e o depois do Sebraetec. Percebemos que poderíamos mudar nosso fluxo de produção e quando você tem a informação, você se sente mais seguro para fazer essa mudança”, avalia a empresária.

O Sebraetec também foi parceiro no financiamento de parte dos custos de um projeto completo de identidade visual, incluindo a criação de uma logomarca que traduzisse as mensagens que o fabricante pretendia passar para o seu público. Para isso, era preciso uma imagem que transportasse noções de conforto, elegância, tecnologia, solidez, masculinidade e sobriedade.

A empresa de comunicação contratada ainda desenvolveu um Manual de Identidade Visual, que tem como objetivo permitir a reprodução correta da logomarca nas mais diversas mídias, mantendo assim as mesmas características.

Localizada no Jardim Santo Amaro, a empresa conta com sete funcionários. A produção é comercializada para lojas de roupas paranaenses, principalmente do norte, e as visitas aos pontos de vendas são feitas por Evelin e André. Além de licenças para fabricar peças de outras marcas, como a de clubes futebol do Paraná, outro projeto para 2013 é investir no e-commerce, abrindo um canal direto de vendas.

Empresa
Palma & Prado
Avenida José Afonso dos Santos, nº 125B
Bairro Jardim Amaro
Cambé – Paraná
Telefone: (43) 3154-5734

..................................................................................................................................................

O Sebrae/PR orienta

As micro e pequenas empresas se encontram em um cenário cada vez mais competitivo e globalizado. Para que as pequenas empresas ganhem seu espaço, nesse cenário, precisam se tornar sustentáveis. E a inovação vem ao encontro desses objetivos. Inovar em processos, produtos e relacionamento, aumentar faturamento e investir na gestão se tornaram diferenciais competitivos.

É importante que o empresário veja a inovação como um movimento para melhorar sua capacidade competitiva frente ao mercado concorrente e cenário que se encontra. A Palma & Prado, desde sua fundação, busca orientação e informação para um melhor planejamento, num movimento constante de melhoria e competitividade.

O SEBRAETEC é uma solução do SEBRAE que visa a melhoria de processos/produtos e ou a introdução de inovações nas empresas ou no mercado. No caso da Palma & Prado, proporcionou melhorias no processo produtivo da empresa resultando em um ganho de aproximadamente 50% da produção.

A adequação da identidade visual, também implementada com o SEBRAETEC, traduziu para o cliente o conceito que a empresa gostaria de passar e fortaleceu a marca.

..................................................................................................................................................

Liciana Pedroso é consultora do SEBRAE/PR em Londrina. Formada em Ciências Contábeis, com especialização em Empreendedorismo e Estratégias Empresarias, MBA em Economia para Micro e Pequenas empresas. Contatos pelo e-mail: lpedroso@pr.sebrae.com.br ou pelo telefone (43) 3373-8000.

Veja mais imagens


Twitter Facebook Orkut

Fale com o SEBRAE/PR

Política de Privacidade

Mapa do Site

Siga nossos perfis